Técnicos florestais e parceiros da Macaronésia debatem desafios e sustentabilidade dos recursos florestais (c/áudio)

Cidade da Praia, 15 Mar (Inforpress) – Os técnicos das administrações florestais e parceiros dos governos da região da Macaronésia reúnem-se, de 27 a 29 de Março, nas “IX Jornadas da Macaronésia”, a realizar-se na Cidade Velha, para debaterem os desafios e sustentabilidade dos recursos florestais.

Esta informação foi avançada, hoje, pelo director-geral da Agricultura, José Teixeira, em conferência de imprensa, realizada na Cidade da Praia, tendo indicado que o evento vai contar com a participação de cerca de 170 convidados, de entre os quais 40 são estrangeiros sob o lema “Por uma floresta mais resiliente às mudanças climáticas”.

“Cabo Verde acolhe as IX Jornadas Florestais cujo objectivo visa dar continuidade aos esforços de desenvolvimento de uma estratégia insular comum, que permita a sustentabilidade dos recursos florestais e o seu contributo para o desenvolvimento económico ambiental e social da região da Macaronésia”, explicou, apontando, que os principais parceiros do evento são Cabo Verde, Canárias, Açores, União Europeia e FAO.

Pretende-se com a mesma iniciativa, ajuntou, aproximar os quadros técnicos das administrações florestais e os seus parceiros dos governos da macaronésia para promover a troca de experiências e fomentar as relações técnicas numa estratégia comum de gestão sustentável e ordenamento dos seus recursos florestais naturais.

Durante os dois dias os participantes irão socializar, discutir e divulgar um conjunto de programas e projectos em curso e realizados nos diferentes arquipélagos da referida região, no contexto da gestão sustentável e ordenamento dos seus recursos.

Para este responsável, enfrenta-se o grande desafio da boa gestão e sustentabilidade desses perímetros florestais, tendo em conta um conjunto de factores como crescente avanço de desertificação e degradação das terras, os incêndios florestais, as espécies invasoras e os efeitos das mudanças climáticas, que tendem a tornar Cabo Verde um país cada vez mais árido.

As IX Jornadas da Macaronésia constituem uma actividade enquadrada no projecto VALCONMAC (Porjecto de Valorização e Conservação dos recursos Florestais na Macaronésia, financiado no quadro do programa de cooperação INTERREG V – Espanha e Portugal.

As jornadas são realizadas em média a cada 2-3 anos, entre as Regiões dos Açores, Canárias e Madeira, sendo esta a primeira vez que Cabo Verde, enquanto arquipélago integrante da grande família da Macaronésia, as acolhe.

As IX Jornadas da Macaronésia acontecem no Hotel Vulcão, no município de Ribeira Grande de Santiago.

CM/ZS

Inforpress/Fim.