Santo Antão: Projecto de água e saneamento pode ser lançado ainda em Março

Porto Novo, 17 Mar (Inforpress) – O lançamento do projecto de água e saneamento para a ilha de Santo Antão, que tem vindo a ser adiado desde Dezembro, deve acontecer ainda no decorrer deste mês de Março, durante uma visita à ilha do vice-primeiro-ministro.

O projecto, estimado em 900 mil contos, cujo lançamento já foi adiado por duas vezes (Dezembro e Fevereiro), tem já financiamento assegurado através do Banco Árabe para o Desenvolvimento em África (Badea) e deverá ser executado em dois anos.

Os  municípios de Santo Antão dizem ter já recebido a garantia do Governo de que as condições estão criadas para o lançamento do projecto, que visa melhorar o abastecimento de água potável em todos os três concelhos da ilha e resolver ainda o problema do saneamento (esgotos) no Porto Novo.

No domínio de água, o projecto prevê a construção de 25 quilómetros da rede de adução e distribuição no município do Porto Novo, além de 3.500 ligações domiciliárias e construção/reabilitação de reservatórios.

No município da Ribeira Grande, prevê-se a reabilitação de três reservatórios e três mil ligações domiciliárias, enquanto que no Paul serão feitas, com este projecto, duas mil ligações domiciliárias.

A nível do saneamento, o projecto vai permitir a construção, na cidade do Porto Novo, de uma rede de esgotos de 20 quilómetros e mais de 300 ligações domiciliárias, prevendo-se a ainda a montagem de uma estação de tratamento de águas residuais (ETAR), duas estações de bombagem e 200 fossas sépticas nas zonas rurais.

O projecto contempla, igualmente,  a aquisição de dois camiões limpa-fossas, entre outras acções.

JM/ZS

Inforpress/Fim