Porto Novo: Planalto Norte espera em 2019 por um enfermeiro e abertura do posto sanitário

Porto Novo, 11 Jan (Inforpress) – Planalto Norte do Porto Novo, Santo Antão, aguarda, para este ano, a concretização da “promessa” do Ministério de Saúde de melhorar a cobertura sanitária nessa localidade, com a criação do porto sanitário e colocação de um enfermeiro.

Em Abril do ano transacto, o ministro da Saúde, Arlindo do Rosário, numa visita ao Planalto Norte, anunciou a decisão do seu ministério de criar um posto sanitário em Chã de Cruz, com um enfermeiro residente, além da abertura de mais uma unidade sanitária de base em Chã de Feijoal.

As populações dos oito povoados do Planalto Norte do Porto Novo dizem aguardar, para 2019, a chegada do enfermeiro e pela abertura do posto sanitário, que deverá passar pela elevação da unidade sanitária de chã de Cruz à condição de posto de saúde.

Alguns moradores, abordados pela Inforpress, lembram que a “promessa” do Ministério da Saúde deveria ser concretizada em 2018, mas dizem “ainda” esperançados que esse “sonho” do Planalto Norte será realizado no decorrer deste ano.

A abertura do posto de saúde do Planalto Norte do Porto Novo, uma localidade ainda com problemas de isolamento, com cerca de 600 habitantes, consta do plano de desenvolvimento sanitário (PDS) de Santo Antão, para período 2017-2021.

O município do Porto Novo dispõe de um centro de saúde, localizado na cidade, e quatro postos sanitários, que ficam em Ribeira das Patas, Tarrafal de Monte Trigo, Alto Mira e Ribeira da Cruz, todos com enfermeiros residentes.

A construção de mais um centro de saúde no concelho, desta feita em Ribeira das Patas, está igualmente contemplado no PDS de Santo Antão.

JM/ZS

Inforpress/Fim