Embaixador do Brasil em Cabo Verde lamenta “ausência” de seu país na assembleia da CPLP

Cidade da Praia, 11 Jan (Inforpress) – O Embaixador do Brasil em Cabo Verde, João Carlos Leitão, lamentou hoje a “ausência” do seu país na VIII Assembleia Parlamentar da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (AP-CPLP), que terminou hoje na Cidade da Praia.

Falando no final da Assembleia Parlamentar da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, João Carlos Leitão explicou que houve um problema com um vidro do avião que transportava a comitiva brasileira, tenho o mesmo regressado à Brasília.

Recorde-se que da comitiva fazia parte Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, quem detinha a presidência da AP-CPLP e que deveria ter passado na quinta-feira o testemunho ao presidente da Assembleia Nacional de Cabo Verde, Jorge Santos, nestas funções,
“Brasil, infelizmente, teve uma situação que não lhe permitiu viajar. Foi apresentado o motivo durante asserção de planeada, nós lamentamos o facto de não ter podendo vir, mas compreendemos porque é uma situação que nos foge das mãos”, disse.

Por seu turno, Jorge Santos manifestou-se satisfeito com as explicações de João Carlos Leitão, que, segundo disse, “clarificaram” esta situação.

A mesma fonte transmitiu ainda o “apresso” da Assembleia Parlamentar da CPLP para com o seu antigo presidente, Rodrigo Maia, desejando que o mesmo participe em outras actividades da AP-CPLP.

GSF/JMV

Inforpress/Fim