Vice-reitora da Universidade aberta de Portugal destaca importância da harmonização de formações a distância

Cidade da Praia 22 Ago (Inforpress) – A vice-reitora da Universidade aberta de Portugal (UAb), Carla de Oliveira, destacou hoje, na cidade da Praia, a importância da formação e capacitação dos recursos humanos da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Carla de Oliveira fez estas declarações à Inforpress após a visita que efectuou ao Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, tendo sublinhado que “faz todo sentido” haver uma mobilidade das pessoas entre os diferentes países da CPLP.

Neste sentido, defendeu que esta mobilidade só pode ser assumida e adquirida se houver um reconhecimento das formações a distância.

“As formações aqui são válidas em Moçambique sem a necessidade de haver o entrave de fazer o reconhecimento, equivalências de graus, portanto criar todas as condições para que seja possível haver de facto uma efectiva mobilidade de recursos humanos que permite uma maior capacitação dos países”, afirmou.

Considerou como positiva as relações de cooperação com Cabo Verde, tendo avançado que a UAb vai continuar a desenvolver mais projecto no âmbito das formações avançadas.

“A Universidade aberta de Portugal há 20 anos tem trabalhado nesse contexto de formação a distancia com Cabo Verde temos já desenvolvidos projectos conjuntos, e vamos continuar a desenvolver mais projectos no âmbito de formações avançadas em que através do ensino a  distancia em que as pessoas continuando a trabalhar e estando em Cabo Verde consigam progredir e ter a possibilidade de contactar com pessoas de outros países”, adiantou.

Fundada em 1988, a Universidade Aberta (UAb) é a única instituição de ensino superior público a distância em Portugal.

Pela sua vocação e natureza, a UAb utiliza nas suas actividades de ensino” as mais avançadas” metodologias e tecnologias de ensino a distância orientadas para a educação sem fronteiras geográficas nem barreiras físicas, dando “especial enfoque” à expansão da língua e da cultura portuguesas no espaço da lusofonia (comunidades migrantes e países de língua oficial portuguesa).

A UAb disponibiliza, em qualquer lugar do mundo, formação superior (licenciaturas, mestrados e doutoramentos) e Cursos de Aprendizagem ao Longo da Vida, desde 2008, ano em que a UAb se tornou numa instituição europeia de referência, no domínio avançado do e-learning e da aprendizagem online, através do reconhecimento do seu modelo pedagógico virtual.

CM/AA

Inforpress/Fim