Unitel apoia Ministério da Educação na atribuição do prémio para o concurso “Selo Qualidade em Educação

Cidade da Praia, 18 Set (Inforpress) – A operadora móvel Unitel T+ vai apoiar o Ministério da Educação na atribuição do prémio para a escola vencedora do concurso “Selo Qualidade em Educação”.

Durante o acto da assinatura do protocolo entre as duas instituições, que aconteceu hoje, na Cidade da Praia, o director-geral de Planeamento, Orçamento e Gestão do Ministério da Educação, José Manuel Marques, congratulou-se com a cooperação da Unitel T+, frisando que este concurso visa a promoção de actividades ao longo do ano lectivo, em torno de uma temática de “valorização no país e no domínio da educação”.

“O ministério pretende instigar as instituições educativas a elaborarem e a implementarem projectos educativos. Pretende-se, também, contribuir para a promoção da qualidade de educação, fazendo com que as escolas se transformem em espaços que promovam, não só a educação, mas também a saúde, a família, entre outros”, referiu.

Desta forma, revelou que, assim, cada escola que participa neste concurso, com tema da sua escolha, desenvolve criativamente, “melhorando” cada vez mais o ensino no país.
Por sua vez, o director-geral da Unitel T+, Inoweze Ferreira, defendeu que a instituição quer contribuir para assegurar a qualidade de ensino em Cabo Verde, tendo em conta os desafios que o país tem pela frente neste sector.

“A Unitel pode participar e pode contribuir para melhorar o ensino, através de várias plataformas, melhorando ao mesmo tempo os conteúdos de ensino. Temos uns pais com muitos desafios e queremos formar bons homens, bons cidadãos, e isso passa pela escola, passa pelo ensino, passa pela educação”, ressaltou.

O protocolo entre o Ministério da Educação e a Unitel T+, no âmbito do concurso “Selo Qualidade em Educação”, vai oferecer a escola vencedora dez tablets, dez computadores, um quadro interactivo, uma pen net com 6 meses de carregamento e o troféu.

HR/JMV

Inforpress/Fim