Trump diz que poderá ir a Jerusalém para abertura de embaixada dos EUA

Washington, 27 Abr (Inforpress) – O Presidente norte-americano, Donald Trump, afirmou hoje que poderá deslocar-se a Jerusalém para a abertura da embaixada dos Estados Unidos, que decidiu transferir de Telavive.

“A embaixada em Jerusalém foi prometida durante vários anos por Presidentes. Todos eles fizeram promessas de campanha e nunca tiveram a coragem de as colocar em prática. Eu fi-lo. Por isso, poderei ir lá”, declarou, numa conferência de imprensa conjunta com a chanceler alemã, Angela Merkel, de visita a Washington.

A embaixada “prepara-se para abrir” as portas e “vai ser bonita”, garantiu.

A polémica mudança está agendada para 14 de Maio, para coincidir com o 70.º aniversário da criação do Estado de Israel.

Donald Trump tinha anunciado em Dezembro a sua decisão “de reconhecer oficialmente Jerusalém como capital de Israel”, rompendo com os seus antecessores e ignorando as advertências vindas de todos os lados quanto à enorme possibilidade de agravar o conflito israelo-palestiniano.

Lusa/fim