Tarrafal Santiago: Partido Popular faz campanha informativa com ênfase na corrupção em Cabo Verde

 

Assomada, 14 Out (Inforpress) – O Partido Popular de Cabo Verde (PP) promoveu hoje, junto da população de alguns bairros do concelho do Tarrafal (ilha de Santiago), uma campanha informativa com ênfase na corrupção em Cabo Verde, realçando que a mesma “não tem tido responsabilização”.

Em declarações à Inforpress, o presidente do PP, Amândio Barbosa Vicente, explicou que a corrupção no arquipélago é “notável” e que os casos detectados não têm ido ao julgamento e estão todos “em banho Maria”, indicando que o seu partido defende “transparência nos negócios públicos e prestação de contas”.

A título de exemplo apontou o caso do Fundo do Ambiente, Novo Banco, Transportadora Aérea de Cabo Verde (TACV), programa “Casa para Todos” e viagens dos governantes ao estrangeiro.

O líder do PP pediu que os envolvidos sejam responsabilizados, lembrando que a “responsabilização” é um dos valores do Partido Popular de Cabo Verde.

No concernente à campanha informativa deste fim-de-semana em que se faz acompanhar de outros membros do PP, explicou que de informações sobre a corrupção, distribuíram também folhetos que descrevem o objectivo, a visão e os valores que PP defende.

Apontou entre esses valores, a ética no exercício da política, transparência nos negócios públicos, prestação de contas, responsabilização, participação do cidadão nos actos do Estado, eficiência e eficácia no uso dos recursos públicos, primazia da lei e da instituição sobre quaisquer outros factores de ordem informal.

Promessas eleitorais que até ainda não estão sendo cumpridas por parte do Governo, liderado pelo Ulisses Correia e Silva e subsídios aos partidos políticos são temas abordados nesta   campanha informativa.

Fez saber ainda que o PP vai aproveitar a estada noTarrafal para fazer contactos para a criação de uma direcção concelhia do partido naquele município do interior de Santiago.

FM/FP

Inforpress/Fim