São Vicente: Associação dos Armadores de Pesca de Cabo Verde vai a votos com lista única

Mindelo, 28 Jun (Inforpress) – João de Deus Lima Júnior deve ser reconduzido hoje no cargo de presidente da direcção da Associação dos Armadores de Pesca de Cabo Verde (Apesc) ao liderar a lista única que vai a votos em assembleia electiva.

A confirmação foi dada pelo próprio candidato à Inforpress, na manhã de hoje, momentos antes da abertura oficial da assembleia-geral que vai eleger novos corpos gerentes da Apesc para os próximos quatro anos.

Desta vez, João Lima apresenta-se perante os cerca de 50 associados com uma lista renovada em “mais de 80 por cento”, com pessoas nos diversos órgãos “com mais disponibilidade para trabalhar”.

“Queremos sair da assembleia com uma base sólida e uma nova dinâmica a nível de desenvolvimento da associação”, lançou o candidato à sua própria sucessão, que lembrou que, se os primeiros três anos do primeiro mandato serviram para a organização da Apesc e angariação de sócios, hoje os desafios “são muitos e diversos”.

A começar, enumerou a mesma fonte, por dotar a Apesc de uma “base financeira sólida”, com a criação da cooperativa de pesca, um sonho antigo dos associados.

A ideia para os próximos quatro anos, lançou, é conseguir o financiamento para a compra de uma embarcação, que seja gerida pelo conselho de administração da cooperativa, para depois financiar os armadores através de um fundo financeiro, a criar junto de uma instituição financeira cabo-verdiana.

Tudo isto, ajuntou, para que o sector das pescas tenha condições para alcançar a sua estabilidade financeira.

“A pesca está no bom caminho, atravessa um bom momento, este ano é bom a nível de captura para os armadores nacionais e penso que, com a organização da Apesc, o sector em Cabo Verde teve outra dinâmica”, concretizou João Lima.

“Hoje somos uma classe respeitada, já não se toma nenhuma decisão no sector das pescas sem ouvir a associação, penso que estão criadas todas as condições de facto para continuarmos a ter essa dinâmica de associativismo”, concluiu.

A ordem do dia da assembleia-geral extraordinária da Apesc, com encerramento previsto para as 16:00, para além da eleição de novos corpos gerentes, consagra espaço para a apresentação de relatório de actividades e contas, criação da cooperativa e homenagem aos sócios fundadores da Apesc.

AA/ZS

Inforpress/Fim