Porto Novo: Agricultura periurbana ganha espaço com lançamento de novo projecto

Porto Novo, 27 Ago (Inforpress) – A agricultura periurbana é cada vez mais uma realidade no município do Porto Novo, com o lançamento, esta semana, de um segundo projecto, que consiste na exploração agrícola de quatro hectares de terrenos.

O projecto, que vai ser lançado quinta-feira, pelo vice-primeiro-ministro, Olavo Correia, localiza-se em Lajedinho, arredores da cidade do Porto Novo, beneficiando um grupo de famílias de fracos recursos.

No âmbito do projecto, a câmara do Porto Novo vai ceder à uma associação de agricultores, com sede na cidade do Porto Novo, denominada “Os Verdes” quatro hectares de terrenos para a dinamização da actividade agrícola, projecto que tem ainda a parceria do Governo, através do Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA).

Com o projecto, “Os Verdes” vão poder desenvolver em Lajadinho um projecto de desenvolvimento agrícola integrado, à semelhança do que está a acontecer em Galinheira, também na preferia da cidade do Porto Novo.

Em Lajadinho existe um furo, que esteve abandonado nos últimos anos, mas que, no quadro do programa de mitigação dos efeitos da seca, vai ser recuperado e equipado com um sistema fotovoltaico e colocado à disposição dos agricultores.

O MAA, através do Poser (programa de promoção das actividades socio-económicas rurais) financiou a construção de um reservatório e de instalação de um sistema de rega localizada.

Porto Novo dispõe de uma extensa área periférica com disponibilidade de terrenos para agricultura urbana e periurbana, com o objectivo de melhorar o aspecto ambiental desta cidade, mas também contribuir para a segurança alimentar das famílias.

A edilidade promete disponibilizar, nos próximos anos, cerca de 30 hectares de terrenos (área equivalente a 30 campos de futebol) para exploração agrícola nos arredores da cidade do Porto Novo.

JM/CP

Inforpress/Fim