Projecto “Estratégia Inteligente – Uma Abordagem Inicial” projectado para ter reflexos digital na Macaronésia

Cidade da Praia, 20 Mar (Inforpress) – O responsável do projecto “Estratégia Inteligente – Uma Abordagem Inicial” cuja formação se iniciou esta quarta-feira no Nosi Akademia, na Cidade da Praia, espera que resultados alcançados possam ter reflexos no campo digital na região da Macaronésia.

Avelino Yanes, que é também representante da Agência Canária para a Investigação, Inovação da Sociedade de Informação, enalteceu a importância de técnicos da área da região da Macaronésia traçarem estratégias avançadas, no quadro deste conceito idealizado pela Comissão Europeia nos diferentes países, no reforço de sinergias.

Enquanto isto, o Núcleo Operacional da Sociedade de Informação (NOSI), referenciado como parceiro ao logo dos anos do Governo das Canárias em matéria dos TIC, no “Interreg MAC 2014 – 2020”, “está empenhado na implementação de uma estratégia comum, cooperação, coordenação institucional e sistema de informação comuns da região MAC”.

O administrador do NOSI, Carlos Santos, asseverou que esta formação, sob o tema “Estratégia Inteligente, Uma abordagem Inicial”, decorre no quadro desta parceria, pelo que está convicto que, para além da oportunidade de conhecimento, as regiões possam intercambiar as suas experiências nesta matéria

Carlos Santos considerou de uma mais-valia para Cabo Verde esta formação, reforçando que vai ao encontro da visão e a estratégia do país, pelo que manifestou o seu reconhecimento ao Governo da Espanha, das Canárias, e a gestão do projecto por esta “mais esta oportunidade de parceria”.

Esta formação conta com a presença de quadros especialistas da Agência Regional para o Desenvolvimento de Investigação Tecnologia e Inovação da Madeira, do Fundo Regional para Ciência e Tecnologia dos Açores, da Plataforma Oceânica das Canárias e do NOSI, no âmbito do Program denominado “Interreg MAC 2014 – 2020”.

SR/FP

Inforpress/Fim