Praia: PP conseguiu 200 assinaturas para incluir em lei de incitava popular 

Cidade da Praia, 01 Set (Inforpress) – O Partido Popular recolheu hoje, no período de manhã, na rua pedonal na capital do País, cerca de 200 assinaturas que fará parte de um documento a ser entregue a Assembleia Nacional para alteração da Lei n.º 85/VI/2005.

Em declarações à Inforpress, o presidente do Partido Popular (PP, oposição), Amândio Barbosa, esclareceu que o partido vai passar alguns dias na recolha de assinaturas para que possa atingir o número exigido pela lei de incitava popular, que é a volta de três mil assinaturas.

Esta iniciativa, segundo Amândio Barbosa, visa solicitar a alteração da Lei n.º 85/VI/2005 de Dezembro de 2006, uma lei que define e estabelece os crimes de responsabilidade dos titulares de cargos políticos.

A intenção, afirmou, é conseguir responsabilizar os “ratos” que estão na política e que estão a fazer “negócio com bens do estado”.

“Cabo Verde está sem ratoeira para caçar os ratos políticos que temos na nossa política, que entram pobre e fazem negócio com os bens do Estado, pelo que é preciso fazer a alteração da Lei n.º 85/VI/2005”, disse.

Ainda o líder do PP, o partido tudo irá fazer para que este documento seja entregue a Assembleia Nacional e os deputados possam debater sobre o assunto e alterar a lei.

Depois da cidade da Praia, o Partido Popular de Cabo Verde irá recolher assinaturas nos diversos bairros do município, assim como no interior de Santiago e outros concelhos do país.

PC/AA

Inforpress/Fim