Inicio Economia PR diz que ainda é cedo para uma avaliação “séria, objectiva e...

PR diz que ainda é cedo para uma avaliação “séria, objectiva e definitiva” sobre saída dos TACV do mercado interno

Cidade da Praia, 20 Ago (Inforpress) –   O Presidente da República considerou hoje que ainda é cedo para uma avaliação “séria, objectiva e definitiva” sobre a retirada da TACV do mercado interno, e indicou que os cidadãos saberão avaliar “no tempo certo e adequado”.

Jorge Carlos Fonseca expressou esta posição durante o balanço que fez, hoje, sobre os seus sete anos exercício presidencial, no decorrer do qual revelou que gostaria de terminar o mandato com o problema de transportes aéreos e marítimos já resolvido ou em vias de resolução.

“Independentemente do que o Presidente possa pensar sobre as opções, independentemente daquilo que foram o teor das conversas que tive variadíssimas vezes com o primeiro-ministro, com o ministro das Finanças e com o ministro da Economia sobre o percurso dessas opções, creio que é preciso dar um tempo para se avaliar a bondade ou não dessas mudanças”, defendeu Jorge Carlos Fonseca.

No entender do Presidente da República os cidadãos saberão “no tempo certo e adequado” avaliar se as opções tomadas pelo Governo foram boas ou más medidas.

Em Julho, o Governo revelou em comunicado que a privatização dos 100% da capital social dos TACV será feita através de uma venda directa das acções.

Revelou ainda que a Unidade de Acompanhamento do Sector Empresarial do Estado (UASE) já tinha recebido aproximadamente 20 manifestações de interesse espontâneas de empresários e empresas nacionais e de investidores estrangeiros na compra dos Transportes Aéreos de Cabo Verde (TACV).

CD/AA

Inforpress/Fim