Porto Novo: MAA garante que sistema fotovoltaico no furo de Chã de Chã vai ser recuperado

Porto Novo, 27 Mar (Inforpress) – O Ministério da Agricultura diz estar a diligenciar com vista a recuperar o sistema fotovoltaico instalado no furo de Chã de Norte, no Porto Novo, Santo Antão, para permitir aos agricultores usufruírem de água a um custo baixo.

Está avariado, há cinco meses, o sistema solar instalado no furo de Chã de Norte, que funciona, actualmente, através da energia convencional, a partir da rede pública, facto que, para o desalento dos agricultores, acabou por encarecer o custo de água para a rega nessa localidade.

O ministro da Agricultura e Ambiente, Gilberto Silva, reiterou, segunda-feira, o compromisso assumido pelo seu ministério com os cerca de 50 agricultores em Chã de Norte, de que os equipamentos fotovoltaicos do furo local vão ser recuperados.

Os agricultores têm exortado o MAA a envidar esforços para resolver o problema no quadro eléctrico que impede o funcionamento do sistema fotovoltaico, instalado nesse furo, no âmbito do projecto hidro-agrícola do Porto Novo, financiado em 40 mil contos, através do Fundo do Ambiente.

O MAA garante estar a diligenciar junto da empresa que procedeu à instalação dos painéis solares, visando a recuperação do sistema, avariado desde Novembro do ano transacto.

O Governo tem em execução, no Porto Novo, um programa visando equipar, ao longo de 2018, todos os furos existentes neste concelho com sistemas fotovoltaicos, para possibilitar aos agricultores adquirirem água para irrigação a “um custo reduzido”, informou o delegado do MAA, Joel Barros.

Além disso, o MAA pretende, no quadro do programa de promoção das oportunidades rurais (Poser), para 2018, reforçar os equipamentos dos furos, com a instalação de inversores.

Os inversores vão permitir adaptar os sistemas desses furos, que funcionam com base em energia solar, para poderem trabalhar, também, com energia convencional, em caso de necessidade, explicou o delegado do MAA.

 

JM/JMV
Inforpress/fim