Paulo Rosa inaugura exposição “Chegando Perto” no Centro Cultural Português da Praia

Cidade da Praia, 22 Jun (Inforpress) – O artista plástico cabo-verdiano Paulo Rosa inaugurou hoje uma exposição de pintura intitulada “Chegando Perto” no Centro Cultural Português (CCP), na Cidade da Praia.

Segundo Paulo Rosa, a exposição é composta por 17 telas que se destacam pelas pinturas transcendentes, feitas a pinceladas rápidas, sobre temas diversas e que convidam o público a chegar perto, numa espécie de abraço.

“Muitas coisas boas no mundo acontecem através do chegar perto. Mesmo as pessoas inteligentes para poder materializar as suas ideias elas têm de chegar perto de si mesmas”, revela o pintor, natural da cidade da Praia.

Esta mostra, conforme o autor, resulta de uma mistura do poder pictórico que mexe, convida as pessoas a se aproximarem das artes e dos artistas, uma vez que a sociedade actual “tende a dar valor muito mais à música do que à pintura e à literatura”.

A embaixadora de Portugal, Helena Paiva, que marcou presença na inauguração, descreve Paulo Rosa como “um artista que trabalha bem as cores e que faz uma pintura impactante”.

Paiva lembrou que um dos propósitos do CCP da Praia é também fomentar a acção cultural em Cabo Verde e apoiar os artistas cabo-verdianos, por isso acolheu esta exposição que ficará patente ao público até o dia 8 de Julho.

O artista plástico Paulo Rosa, de 49 anos, já fez sete exposições individuais e participou em oito colectivas em Cabo Verde. Formou-se em Arte em Portugal e estudou construção civil em Cabo Verde.

Leccionou aulas de pintura nas Aldeias SOS e noutras instituições que trabalham com crianças. Também ministrou cursos de pintura, venceu o 1º prémio do Concurso Nacional de Pintura e foi distinguido com o diploma de “Mérito Cultural” pelo Ministério da Cultura.

CD/ZS

Inforpress/Fim