PAICV quer propor encontros trimestrais com primeiro-ministro para debate de “questões centrais” do país

Cidade da Praia, 12 Abr (Inforpress) – A presidente do PAICV disse que irá manifestar pessoalmente o interesse ao primeiro-ministro, na perspectivas de poder, a partir de agora, realizarem encontros trimestrais para debater, analisar e negociar questões centrais sobre o desenvolvimento de Cabo Verde.

A líder do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV- oposição), Janira Hopffer Almada, fez estas declarações em conferência de imprensa, sobre o posicionamento do seu partido relativamente à decisão do Governo em cancelar a proposta de lei da Regionalização, realizada esta sexta-feira, na Cidade da Praia.

Segundo disse, essa iniciativa já foi manifestada há dois anos, mas não foi acolhida mas tendo em conta que o desenvolvimento de Cabo Verde e o bem estar dos cabo-verdianos devem estar em primeiro lugar, irá expor ao primeiro-ministro esse interesse.

“Manifestarei pessoalmente o interesse de podemos ter, a partir de agora, encontros trimestrais, na perspecitva de podermos analisar, debater reflectir e negociar questões que têm a ver com o desenvolvimento do país do ponto de vista estratégico”, indicou, afirmando que essas questões exigem um amplo consenso por entender claramente que ultrapassam os mandatos.

No seu entender, os actores políticos devem ter a capacidade de poder sentar-se para discutir os temas importantes, no sentido de os mesmos protegerem Cabo Verde e, sobretudo, ajuntou, de resolver os múltiplos problemas que têm afectado os cabo-verdianos.

“Pensamos que é isso que se espera dos políticos: uma postura de Estado, ponderação, mas sobretudo de conseguirmos colocar todos os interesses do país em primeiro lugar e não as eventuais diferenças existentes entre os partidos”, declarou.

CM/JMV

Inforpress/Fim.