sarıyer haberleri">

Obras privadas nas orlas marítimas da capital enquadram-se num plano detalhado – autarca Óscar Santos

 

Cidade da Praia, 22 Nov (Inforpress) –  O edil da Praia disse hoje que as obras privadas que estão a surgir nas orlas marítimas da capital, se enquadram num plano detalhado de há dois anos e que foram submetidas a consulta pública, sem que houvesse qualquer reclamação.

Óscar Santos deu estas explicações hoje, no final da sua visita a quatro obras camarárias consideradas estruturantes para a Cidade da Praia, tendo asseverado que com estas infraestruturas privadas em curso na orla marítima, “com enorme valor económico” pretende-se fazer com que a cidade seja “volta ao mar”.

De entre as obras em curso, o autarca destacou a extensão de um calçadão em Palmarejo Grande que liga Quebra Canela ao Porto da Praia, num percurso de 9 km, fruto de uma parceira/público privada entre a Câmara da Praia e a empresa Tecnicil.

Fontão/Cobon, uma obra orçada em quase quatro milhões de euros, capacitada para drenagem de água e acessibilidade, já que liga Terra Branca a Quebra Canela, também foi apresentada como outra construção de vulto em curso.

Em Várzea da Companhia anunciou para final de Dezembro a inauguração da asfaltagem das duas ruas principais e estacionamento do cemitério local, bem como a inauguração da Pedonal em Maria Camporta, requalificado com espaços para comércio, rede de esgotos, orçado em quase seis mil contos, afora pintura de algumas casas, num investimento estimado em três mil contos.

Óscar Santos disse que a autarquia quer que esta obra da Várzea sirva de piloto para outros bairros da capital, tendo ressalvado que esta Pedonal vai ser equipada com internet, de forma a que a juventude fique conectada com o mundo.

Em relação ao Fontão, descreveu a obra como sendo estruturante, tendo ainda confirmado a promessa de “muito brevemente” cobrir todas as valas circundantes da Biblioteca Nacional até a esplanada Motcha, de forma a contribuir para a eliminação de mosquitos, com obras consideradas estruturantes.

Promete ainda dotar a cidade de novos espaços, espaços verdes, com a colocação de novas plantas.

Conforme explicou o autarca, a Câmara da Praia tem o seu próprio orçamento para trabalhar independente do Governo, não obstante solicitar acções pontuais ao executivo, tendo indicado que para combater o surto de paludismo a autarquia fez um esforço adicional para investir mais 38 mil contos, com a demolição de pardieiros, estando, contudo, a aguardar ainda por mais apoios por parte do Governo.

Anunciou ainda a edificação de novos pedonais na Rua Artística em Terra Branca e a inauguração no final deste mês da asfaltagem de Paiol e Castelão.

O autarca considera, no entanto, que 2018 será o ano de grandes obras no concelho da Praia.

SR/FP

Inforpress/Fim

 

%d bloggers like this:
Modüler Bölme Duvar Açık ofis bölme sistemleri Ofis Bölme Sistemleri Jaluzili cam bölme Cam bölme duvar Jaluzili bölme duvar Çocuk odası Diş polikliniği dekorasyonu Ofis dekorasyonu Hastane dekorasyon Ev dekorasyonu Sivas prefabrik Mutfak dekorasyonu Ofis dekorasyonu İç mimari dekorasyon