Missão médica da Igreja dos Sétimo Dias de Jesus Cristo opera 25 doentes da área de traumatologia por via artroscopia

Equipa médica EUA Tromátologia HAN

Cidade da Praia, 28 Ago (Inforpress) – Uma missão médica da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias operou esta semana, no Hospital Dr. Agostinho Neto, cerca de 22 doentes com problemas de joelho no serviço de Orto-traumatologia por via artroscopia.

Em declarações à imprensa, o presidente do Conselho Administrativo do Hospital Dr. Agostinho Neto, Júlio Andrade, fez um balanço positivo do que considera ser uma parceria “vantajosa” para o país no que tange à prestação de serviços em diferentes tipo de especialidade.

“Há já alguns anos que a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias tem vindo a colaborar com Hospital Dr. Agostinho Neto nas áreas de oftalmologia, pediatria e da orto-traumatologia, assim como com oferta de equipamentos”, disse.

Segundo Júlio Andrade, trata-se agora de uma missão essencialmente para realização de cirurgia em artroscopia, uma cirurgia altamente diferenciada e que permite, também, a formação dos médicos do serviço de orto-traumatologia do HAN.

Para além de ajudar os doentes, sublinhou, é um tipo de missão que tem ajudado o Hospital Dr. Agostinho Neto a reduzir a dependência do exterior com a evacuação dos doentes.

Por sua vez, o médico e especialista em artroscopia Peter Sen, que se referiu sobre a cooperação que começou com a oferta de equipamentos avançados para cirurgias, afirmou que até, o presente momento, a missão já efectuou 100 procedimentos cirúrgico e fez ofertas de milhares de dólares em equipamentos.

“Nós cumprimos esta missão com os nossos próprios meios e sem qualquer contrapartida”, explicou.

O especialista em orto-traumatologia Fernando Almeida, que elogiou a parceria existente entre o HAN e a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, sublinhou que nos últimos 14 anos muito se fez neste domínio, ajudando o doente que paga apenas uma taxa de quatro mil escudos.

“Este tipo de cirurgia custa á volta de três mil euros na Europa, pelo que é muito difícil para quem não tem condições financeiras. Além da Praia e porque a ilha do Fogo é a que mais doente de trauma evacua para o nosso hospital, estamos dispostos a criar uma equipa para realizar na ilha operações de géneros”, declarou.

Para isso, afiançou, é preciso que se crie condições cirúrgicas na ilha, já que a equipa da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias esta disposta a apoiar.

Para o responsável da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, a missão religiosa em Cabo Verde tem vindo a trabalhar com jovens, ajudando-lhes a fazer os seus próprios negócios, ofertando materiais e dando formações.

No que se refere à saúde, esclareceu que a congregação religiosa tem feito algumas ofertas de equipamentos e deslocação de especialistas, em diferentes áreas, para ajudar a população cabo-verdiana.

A artroscopia é um procedimento cirúrgico que permite olhar para o interior de uma articulação em seu corpo, usando um equipamento chamado “artroscópio”.

A artroscopia permite ao médico olhar directamente para as estruturas de dentro da articulação, como os ligamentos (tecido resistente que liga um osso ao outro), a cartilagem (tecido liso que cobre as extremidades dos ossos nas articulações), entre outras estruturas.

Este procedimento pode ser usado tanto para diagnosticar, quanto para realizar o reparo de um problema articular. Ao contrário das cirurgias abertas, em que o médico precisa fazer um corte maior, a artroscopia geralmente é menos dolorosa e permite um tempo de recuperação mais rápido.

PC/JMV

Inforpress/Fim