Inicio Cooperação Ministro da Defesa de STP destaca importância do COSMAR na eficácia da...

Ministro da Defesa de STP destaca importância do COSMAR na eficácia da fiscalização marítima

Cidade da Praia, 01 Ago (Infofpress) – O ministro da Defesa e Administração Interna de São Tomé e Príncipe, destacou hoje a importância do COSMAR na eficácia da fiscalização marítima no combate aos actos ilícitos que acontecem nas águas territoriais de Cabo Verde.

Arlindo Ramos fez essas considerações em declarações à imprensa no âmbito da visita efectuada às instalações do Centro de Operações de Segurança Marítima (COSMAR), para se inteirar do funcionamento dessa instituição.

Na ocasião, Arlindo Ramos que está de visita a Cabo Verde para reforçar as relações de cooperação, parabenizou o arquipélago pela implementação do referido centro, afirmando, por outro lado, que São Tomé e Príncipe dispõe neste momento de um centro de fiscalização marítima que, conforme avançou, funciona de acordo com as possibilidades do país.

“Temos um centro não dessa dimensão, mas um centro cujos os equipamentos são idênticos aos de Cabo Verde, neste momento estamos numa fase de reorganização do sistema de fiscalização marítima, e a cooperação trilateral com os Estados Unidos, Portugal e São Tomé e Príncipe que nos permite formar e equipar a nossa guarda costeira no âmbito do comprometimento da fiscalização marítima”, disse.

No entender do governante santomense, devido à grande ameaça que Cabo Verde e São Tomé e Príncipe deparam no que concerne aos actos criminosos que são praticados nas águas territoriais dos dois países, um possível acordo de cooperação na fiscalização marítima será benéfico para ambos os países.

“Cabo Verde e São Tomé e Príncipe pertencem a zona D e temos vários tipos de exercícios que realizamos anualmente, são uma serie de acções que com Cabo Verde podemos fazer idêntico e é necessária uma parceira que nos permite fazer um trabalho conjunto tanto na fiscalização como de exercício como tem vindo a ser feito em zonas de polares internacionalmente”, realçou.

O COSMAR, enquanto centro inter-agências de operações de segurança marítima, permite o reforço da articulação entre as várias entidades nacionais com responsabilidades nesse domínio e garante capacidades para recolher de informações relevantes de quaisquer ilícitos nas águas sob jurisdição nacional, com destaque para o narcotráfico.

Permite também, a planificação de operações conjuntas e combinadas de dissuasão e de repressão, no quadro, nomeadamente, dos acordos de fiscalização marítima existentes com outros países.

Inaugurada em 2010, o COSMAR foi financiado pelo Governo dos Estados Unidos da América, ao abrigo de um Acordo de Doação no domínio da Segurança Marítima e Programas de Apoio à Luta contra o Narcotráfico, assinado entre o Ministério da Defesa Nacional e o Departamento da Defesa norte americana.

Esta manhã no quadro da sua missão, Arlindo Ramos e o ministro da Defesa de Cabo Verde Luís Filipe Tavares assinaram na Cidade da Praia, um acordo no domínio de defesa, que conforme o governante cabo-verdiano, vai permitir Cabo Verde formar quadros militares santomenses.

O governante santomense aproveitará a sua estadia para visitar unidades militares na ilha de Santiago e do Sal, Serviço Nacional de Proteção Civil, Centro de Comando da Polícia Nacional e instalações das Forças Armadas de Cabo Verde.

Esta quinta-feira, o ministro Arlindo Ramos será recebido pelo ministro da Administração Interna de Cabo Verde, Paulo Rocha, e participará do encontro de trabalho entre as delegações do Ministério da Administração Interna de Cabo Verde e do Ministério da Defesa e Administração Interna de São Tomé e Príncipe.

Arlindo Ramos encerra a sua missão a Cabo Verde com participação na cerimônia de encerramento do Simpósio Africa Endeavor 18, aprazada para o dia 03 de Agosto, em Santa Maria, na ilha do Sal.

CM/FP

Inforpress/Fim.