Incêndio na Califórnia desafia bombeiros há 11 dias

Los Angeles, 08 Ago (Inforpress) – Os bombeiros na Califórnia lutam uma “guerra” contra o terreno acidentado, ventos fortes e uma onda de calor para travar a propagação do maior incêndio florestal registado naquele Estado norte-americano, que está activo há 11 dias.

O incêndio, centrado perto da comunidade de Upper Lake, a 160 quilómetros ao norte de São Francisco, espalhou-se rapidamente, conforme explicaram as autoridades, devido a uma “combinação perfeita entre clima, topografia e vegetação abundantes transformada em combustível altamente inflamável por anos de seca”.

O incêndio, conhecido como ‘Mendocino Complex’, que tem duas frentes activas, já consumiu 114.850 hectares de terra, uma área semelhante ao tamanho da cidade de Los Angeles, informaram as autoridades, sendo já considerado o mais grave da história do estado da Califórnia.

Na segunda-feira, o Departamento Florestal e de Protecção contra Incêndios indicou que o incêndio está controlado em 30%, prevendo-se que fique extinto na próxima semana.

Até ao momento, as chamas destruíram pelo menos 143 edifícios, dos quais 75 casas, e ameaça cerca de 9.300 estruturas.

De acordo com especialistas, os anos de seca criaram as condições ideais para que os incêndios florestais de grande escala se propaguem a maior velocidade. Dos cinco maiores incêndios florestais na história do estado da Califórnia, quatro aconteceram desde 2012.

Lusa/Fim