Ilha do Sal:  Segunda edição do Festival Internacional de Literatura arranca quinta-feira com cerca de 40 escritores

Espargos, 19 Jun (Inforpress) – A segunda edição do Festival Internacional de Literatura arranca quinta-feira na ilha do Sal, envolvendo perto de 40 escritores de diferentes latitudes, destacando-se autores cabo-verdianos nesta festa literária.

Promovido pela Câmara Municipal do Sal, a curadoria do escritor José Luís Peixoto e organização da Rosa de Porcelana Editora, o festival, que tem a duração de quatro dias, propõe reflectir e debater o alargamento dos cânones literários, visibilizar as várias literaturas dos países e inscrever Cabo Verde na rede internacional da Literatura-Mundo.

Testemunhado pelo Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, a edição deste ano do Festival de Literatura Mundo homenageia os poetas cabo-verdiano Mário Fonseca e o argentino Jorge Luiz Borges.

Do programa, que engloba uma série de conferências, sessão de leituras nas Salinas de Pedra de Lume, destaca-se o item tributo a Arménio Vieira e Germano Almeida: os “Camões” de Cabo Verde, num painel composto Júlio Lopes e Joaquim Arena, este na qualidade de moderador.

Esta edição será igualmente marcada com o lançamento das obras de escritores cabo-verdianos, “Campo da Fortuna”, da autoria de Evel Rocha e “A Reinvenção do Mar – Antologia Poética”, de Vera Duarte, a realizar-se nos dias 20 e 21, respectivamente, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Ana Filomena Amaral (Portugal), Bárbara Mesquita (Alemanha), Casimiro Simões (Portugal), Clara Riso (Portugal), Isabel Lucas, (Portugal), José Luís Peixoto (Portugal), Julian Fuks (Brasil), Klavdia Fonseca – Viúva de Mário Fonseca, Manuel Halpern (Portugal), Marco Lucchesi (Brasil), Natália Porta Lopez (Argentina), Prabda Yoon (Tailândia), Rodrigo Lacerda (Brasil), Rute Pires (Brasil), Selma Carvalho (Brasil), Simão Valente (Portugal), Simone Caputo Gomes (Brasil), Vilma Galhego (Brasil) e Viviane Trindade (Brasil), são as personalidades do mundo das letras participantes nesta festa literária na ilha turística.

Quanto a autores cabo-verdianos, Jorge Carlos Fonseca, Arménio Vieira, Daniel Medina, Carlos Araújo, Danny Spínola, David Hopffer Almada, Evel Rocha, Filinto Elísio, Germano Almeida, Hermínia Curado Ferreira, Janice da Graça, João Lopes Filho, Joaquim Arena, Joaquim Morais, Manuel Brito Semedo, Samuel Gonçalves, Tchalé Figueira e Vera Duarte, são as notoriedades que deverão também estar presentes no Sal para essa reflexão e debate literário.

SC/CP

Inforpress/Fim