Ilha do Sal: Presidente da Cruz Vermelha destaca desenvolvimento da missão humanitária no país

Espargos, 08 Mai (Inforpress) – O presidente da Cruz Vermelha de Cabo Verde (CVCV) destacou hoje, na ilha do Sal, o desenvolvimento da missão humanitária “em todo o país”, durante cerimónia alusiva ao Dia Mundial da Cruz Vermelha, assinalado a 08 de Maio.

Arlindo de Carvalho referiu que a CVCV vem desenvolvendo a sua missão em “estreita obediência” aos princípios fundamentais da instituição centenária e apontou que as acções, projectos e programas estendem-se por todas as ilhas, através dos 19 conselhos locais, milhares de voluntários e mais de uma centena de profissionais.

A mesma fonte acrescentou ainda que, actualmente, a Cruz Vermelha tem sob a sua responsabilidade a gestão de onze jardins-de-infância e nove centros de terceira idade espalhados por todo país.

Em execução, assinalou, a CVCV tem projectos no domínio da saúde, viver sem medo, Fronteiras e Vulnerabilidades na Luta contra a Sida na África Ocidental (FEVE), no quadro de uma parceria regional, combate à droga e doenças crónicas, entre outros.

Segundo Arlindo de Carvalho a efeméride, celebrada este ano sob o lema “Um sorriso para todos em todos os lugares”, além de confraternização é também de reflexão, já que o quadro social em que se vive, conforme disse, requer “muito mais de todos e de cada um” dos seus voluntários, parceiros e amigos.

“A todos uma séria reflexão sobre os ganhos obtidos, os constrangimentos que se mantêm, os desafios que se impõem às novas acções e um maior envolvimento em torno dos valores e princípios elementares que sustentam e guiam o movimento internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho”, concluiu.

A cerimónia contou ainda com uma homenagem dos voluntários da ilha do Sal à presidente do conselho local, Glória Santos, pela “entrega e dedicação à causa”.

PE/AA

Inforpress/Fim