Ilha do Sal:  PJ detém seis indivíduos acusados de vários crimes

Espargos, 28 Ago (Inforpress) – A Polícia Judiciária (PJ), na ilha do Sal, capturou segunda-feira, seis indivíduos, um deles tido perigoso, acusados de prática de vários crimes contra património, assalto à mão armada, receptação e ameaça, na cidade de Santa Maria.

Dando cumprimento a um mandado do Ministério Público da Comarca do Sal, a Polícia Judiciária através da Secção de Investigação Criminal do Sal (DICS), deteve fora de flagrante delito, esta segunda-feira, seis indivíduos do sexo masculino, de idade compreendida entre os 19 e 28 anos, acusados de vários crimes, ocorridos entre Fevereiro e Agosto deste ano.

Na mira há cerca de cinco meses, segundo fonte da PJ, estes indivíduos foram capturados e presentes na tarde de segunda-feira ao tribunal da comarca do Sal, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguidos detidos e aplicação de medidas de coação pessoais.

Três desses indivíduos ficaram em prisão preventiva, enquanto outros três foi-lhes aplicado termo de identidade e residência (TIR), como medida de coação.

Interdição de saída e apresentação periódica foram outras medidas também aplicadas aos três indivíduos que ficaram sob TIR.

Suspeita-se que um desses sujeitos, considerado perigoso, com várias passagens pela Polícia, seja o assassino de um jovem morto em Santa Maria com arma branca, por altura do Natal do ano transacto.

SC/CP

Inforpress/Fim