Ilha do Maio: Primeiro-Ministro exorta participantes no “Djarmai Campus” a criarem redes de contactos entre si

Porto Inglês, 06 Ago (Inforpress) – O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, exortou hoje os jovens participantes no “Djarmai Campus”, na ilha do Maio, a criarem redes de contactos entre si e a serem mais ousados nas suas acções para poderem atingir os seus objectivos.

O chefe do Governo presidia ao acto de abertura do evento, que reúne na ilha do Maio, dezenas de jovens provenientes de diversos concelhos do país e ainda da Itália, Irlanda, Inglaterra, Portugal, Brasil e Moçambique.

“Os jovens já têm a capacidade suficiente de se organizarem com autonomia e é isso que fizeram e estão a fazer, e se continuarem a fazer este tipo de evento, tanto no Maio como nas outras ilhas, podem contar com o apoio do Governo”, afirmou.

Ulisses Correia e Silva desafiou os jovens a serem empreendedores e terem a coragem de correr o risco e não ficarem apenas à espera do Estado, porque, conforme sublinhou, são eles é que podem fazer a diferença, embora o Governo deva criar as condições para que o empreendedorismo apareça.

O primeiro-ministro aconselhou aos participantes no campo de férias a terem a “força de vontade, capacidade inovadora e, acima de tudo, o empenho nas suas actividades”, e que tenham o espírito de liderança das suas vidas por forma a contribuírem, de forma positiva, para o desenvolvimento do país.

Por seu lado, a coordenadora do “Djarmai Campus”, Vanilse Veiga, afiançou que o objectivo deste evento é despertar em cada participante o espírito criativo e a capacidade de liderança em todos os aspectos da vida.

A responsável do campo de féria de Verão salientou que, apesar de alguns obstáculos, nomeadamente em relação aos transportes, “que estão a ser contornados”, tudo tem decorrido conforme o planeado.

Vanilse Veiga disse esperar que os jovens saem deste evento com capacidade reforçada e com um projecto definido para colocarem em prática.

O “Djarmai Campus” decorre até domingo, 12, no anfiteatro da Escola Secundária Horace Silver, na cidade do Porto Inglês, sob o lema “Oportunidades, conhecimento e valores”.

WN/CP

Inforpress/Fim