Ilha do Fogo: Sistema de adução de água à comunidade de Monte Preto inaugurado hoje

São Filipe, 21 Nov  (Inforpress) – O sistema de adução de água a comunidade de Monte Preto, no município de Santa Catarina do Fogo, orçado em mais de quatro mil contos, é inaugurado hoje, no quadro das actividades do dia do município.

O projecto foi financiado pela Agência Nacional de Águas e Saneamento (ANAS) no quadro do plano de mitigação da seca, e inclui, além da construção do reservatório e da rede, a própria ligação domiciliária.

Segundo o presidente da Câmara Municipal de Santa Catarina, Alberto Nunes, até este momento perto de uma dezena de famílias já dispõem de água domiciliaria, devendo as demais, e cujas habitações são mais distantes, serem contempladas nos próximos dias.

Com a conclusão dos trabalhos para abastecer a população de Monte Preto, apenas a localidade de Cabeça Fundão continua a ser abastecida através de água auto-transportada, devido a ausência de rede pública de abastecimento de água.

Ainda no sector de água, a edilidade de Santa Catarina anuncia na sua página na Internet que o especialista italiano Giberti Raffaele, que se encontra de passagem pela ilha, ao serviço da Associação de Solidariedade para Desenvolvimento (ASDE), terá identificado uma linha de água subterrânea na cidade de Cova Figueira, mais à frente do edifício dos Paços do Concelho.

Este expert garantiu que se trata de “muita água” que se encontra a uma profundidade de mais de 100 metros.

O mesmo efectuou terça-feira uma deslocação à orla marítima do município para identificação de possíveis linhas de água, sobretudo nas zonas de Fajã, Casinha e Bombardeiro.

Confirmada a existência de água no município de Santa Catarina, actualmente abastecido através de furos de prospecção de água na parte sul de São Filipe, o município vai trabalhar para que a sua exploração seja uma realidade.

No quadro das festas do dia do município e da Santa Padroeira que se celebra no próximo domingo, 25, a câmara tem em curso a realização de um conjunto de actividades, entre elas inaugurações e lançamento de primeira pedra.

Hoje, a edilidade fará a entrega de uma habitação social reabilitada a uma família de Roçadas e outra construída de raiz a uma família de Figueira Pavão, elevando para 26 as habitações reabilitadas e construídas nos dois anos de mandato, segundo o edil Alberto Nunes.

Além da entrega das duas habitações e da inauguração do sistema de adução de água a Monte Preto, a edilidade inaugura a praceta de Enseada Helena, nas proximidades dos Paços do Concelho, a primeira fase da estrada de Maria da Cruz, desencravando parte das habitações desta localidade, e a inauguração das obras da reabilitação da escola do ensino secundário da cidade de Cova Figueira.

Igualmente está agendado para quarta-feira o lançamento da primeira pedra da via alternativa da cidade de Cova Figueira, entre Lapinha e Kopapia, que segundo Alberto Nunes conta com financiamento assegurado no quadro do Programa Requalificar, Reabilitar e Acessibilidades (PRRA).

Várias actividades já foram realizadas, nomeadamente as provas de atletismo (masculino e feminino), ciclismo, primeira jornada do torneio de futebol feminino, estando previsto para esta quarta-feira, a realização da feira de saúde, a primeira jornada do torneio de velhas glórias com os jogos velhas glórias dos Estados Unidos da América – velhas glorias dos Mosteiros e velhas glórias de Santa Catarina – velhas glórias de São Filipe, sendo que os vencidos e os vencedores vão defrontar-se no dia 23, no estádio Monte Pelado.

Na quinta-feira realiza-se o torneio de futebol com os jogos: misto de Santa Cataria – Portugal e União de São Lourenço – Praia, e os vencidos e vencedores voltam a encontrar-se no próximo sábado, 24.

Ainda para hoje está programada a realização do concurso de beleza “miss Santa Catarina 2018”.

JR/AA

Inforpress/Fim