Ilha do Fogo: Projecto “Rotas do Fogo” e serviço de saneamento programam acções para assinalar o dia do ambiente

São Filipe, 18 Mai (Inforpress) – O projecto “Rotas do Fogo: modelo do agro-turismo como reforço das organizações locais do turismo rural e sustentável na ilha do Fogo” e o serviço de saneamento delineiam actividades para assinalar o Dia Mundial do Ambiente.

O responsável pelo projecto, financiado pela União Europeia, Giovanni Barbagli, disse que o “Rotas do Fogo” comemora todas as datas ligadas a questões ambientais e turísticas, e para o 05 de Junho, Dia Mundial do Ambiente, o projecto pretende fazer algo para valorizar a praia de Fonte Bila, em parceria com o serviço de saneamento.

Questionado se as actividades de limpeza e valorização da praia de Fonte Bila irão ocorrer mesmo com a apanha de areia que se regista neste momento, Giovanni Barbagli afirmou que para valorizar a praia de ponto de vista turístico deve-se encontrar uma maneira para que esta actividade de extracção de areia não entre em conflito com a recepção de turistas.

O responsável que encontra-se na ilha do Fogo há cerca de seis meses, anotou que tem escutado de que o turismo de praia na ilha do Fogo não é praticável, porque há correntes marinhas e não se pode desenvolver esta actividade.

“Parece existir um pouco de complexo de inferioridade em relação às ilhas do Sal e da Boa Vista”, observou esperando de que as actividades de valorização possam contribuir para que seja reduzido ou eliminado.

“O turismo do mar não é tão praticado por causa das correntes, mas temos uma praia de quatro quilómetros de extensão, de areia preta, virada para o pôr-do-sol, onde se pode desenvolver qualquer actividade, seja desportiva, passeios ou miradouros para assistir o pôr-do-sol”, disse Giovanni Barbagli, para quem a praia de Fonte Bila tem várias oportunidades a serem aproveitadas e deixá-la quase abandonada é como um desperdício de oportunidade.

O responsável do “Rotas do Sol” advoga que a praia de Fonte Bila tem muitas oportunidades ligadas ao turismo e “encaixa bem” com as actividades do projecto que é de promover um tipo de turismo de qualidade e atento a tudo que está relacionado com a valorização ambiental, social, cultural da ilha do Fogo.

As actividades de limpeza e valorização da praia de Fonte Bila, que acontecem por ocasião da comemoração do Dia Mundial do Ambiente, foram socializadas quinta-feira na primeira mesa de diálogo do projecto “Rotas do Fogo”.

JR/CP

Inforpress/Fim