Ilha do Fogo: Projecto FATA promove oitava mesa de diálogo para actualização das actividades desenvolvidas

 

São Filipe, 06 Mar (Inforpress) – O projecto “Fogo, Água, Terra, Ar” (FATA) promove,  no próximo dia 16,  a sua sexta mesa de diálogo,  para actualização das actividades implementadas.

Além da actualização das actividades realizadas, durante a mesa de diálogo, algumas Instituições convidadas, como o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), vão apresentar as suas propostas formativas para o ano de 2018 e o papel do IEFP no mercado de trabalho.

Já a delegação concelhia do Ministério das Finanças, outra instituição convidada para esta mesa de diálogo, vai socializar com os participantes a importância da fiscalidade no mundo empresarial, enquanto a Associação dos Guias Turísticos de Chã das Caldeiras (AGTC) irá apresentar o modelo das fichas técnicas dos guias turísticos oficiais da ilha do Fogo.

O projecto FATA ficará com a responsabilidade de apresentar os resultados do terceiro inquérito dirigidos aos turistas da ilha do Fogo, assim como a apresentação oficial do website “NATOUR Fogo”; assim como outras comunicações relacionadas com as actividades do projecto.

O programa é co-financiado pela União Europeia, em parcerias com outros promotores, como a região Italiana de Veneto, a edilidade dos Mosteiros, a ONG Italiana Cospe (Cooperação para o desenvolvimento dos países emergentes), Associação de Guias Turísticos de Chã das Caldeiras, Parque Natural do Fogo e Planete Viaje.

O projecto conta com um orçamento de 576 mil euros, mais de 63 mil contos cabo-verdianos, dos quais a União Europeia entra com 75 por cento (%), mais de 432 mil euros e os promotores em conjunto com 25%.

 

O FATA tem por finalidade contribuir para o desenvolvimento do ecoturismo sustentável e solidário e a valorização do património cultural/social/ambiental,

JR/JMV

Inforpress/Fim