Ilha do Fogo: Empresa responsável pela manutenção de estrada deve começar ainda hoje a desobstrução do troço de Sumbango – Edil

São Filipe, 18 jun (Inforpress) – A empresa responsável pelos trabalhos de manutenção das estradas nacionais deve iniciar ainda hoje os trabalhos de desobstrução do troço de estrada nacional EN1-FG01 de Sumbango, que dá acesso à zona norte e a São Filipe, via norte.

A informação foi avançada à Inforpress pelo edil dos Mosteiros, Carlos Fernandinho Teixeira, confirmando também que tem agendado para esta segunda-feira um encontro com a empresa responsável pela manutenção que está à espera da chegada de uma equipa especializada para a execução dos trabalhos.

“Estamos à espera dos estudos e ainda não há uma previsão para quando a resolução definitiva do problema”, disse o edil, notando que a previsão para concluir os trabalhos está nas mãos do Instituto de Estrada, responsável pelas estradas nacionais, e da empresa responsável pela manutenção.

Carlos Fernandinho disse apenas que a informação de que dispõe é de que a empresa vai colocar máquina ainda hoje para iniciar os trabalhos, o que no seu entender é um risco, porque as informações repassadas pelos moradores da zona alta revelam que existe uma fenda na rocha, o que leva a supor que, provavelmente, qualquer intervenção feita na parte baixa pode provocar novo desabamento de rocha.

Neste momento a alternativa para a ligação ao município de São Filipe é através da estrada sul e para a população da zona norte do município, nomeadamente de Atalaia, Ribeira do Ilhéu, Aldeia e Rocha Fora, é a deslocação de viatura até Rocha Fora e depois fazer o percurso pedestre através das vias que dão acesso a Fajazinha e Lapinha.

Questionado se a estrada antiga não podia ser utilizada como alternativa, Carlos Fernandinho disse que da forma como a mesma se encontra requer uma intervenção profunda e leva alguns dias e por isso não funciona como alternativa.

Entretanto, avançou que a edilidade espera pela vinda da equipa de especialistas portugueses para definir as modalidades de intervenção para resolução definitiva neste troço de estrada.

Desde sexta-feira, 15 que o município dos Mosteiros está parcialmente isolado na sequência de desabamento de rochas no troço de Sumbango, que voltou a desabar no sábado,16, desta feita atingindo parte da rede eléctrica, da conduta de água, tendo destruído ainda duas barracas na zona de Murro.

JR/FP

Inforpress/Fim