IEFP apresenta estudo de Impacto dos Programas e Projectos de Emprego de 2015 a 2017

Cidade da Praia, 18 Mar (Inforpress) – O Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) apresenta esta terça-feira 19, na Cidade da Praia, o Estudo de Impacto dos Programas e Projectos de Emprego, abrangendo o período de 2015 a 2017.

O estudo, de acordo com uma nota informativa, indica que a taxa de inserção no mercado de trabalho é de 63,9%, salientando que em média, 63,9% dos jovens que beneficiaram dos Programas e Projectos de Emprego no período de 2015 a 2017 estão inseridos no mercado de trabalho.

Em relação à taxa de inserção, os projectos de empreendedorismo apresentam a taxa mais elevada, seguido do protejo de Desempregado de Longa Duração do Programa de Estágios Profissionais, com 70,7% e 59,5%, respectivamente.

Ainda no âmbito da apresentação do referido estudo, o IEFP irá assinar com dez empresas protocolos de adesão ao Programa de Estagio Profissional Empresarial – PEPE, criando as condições para que os jovens possam frequentar estágios e desenvolver as competências socioprofissionais em grandes empresas nacionais.

O IEFP é a entidade pública nacional de execução das políticas e medidas de promoção do Emprego, empreendedorismo e formação Profissional.

Tem por missão garantir, através da sua estrutura central e serviços descentralizados, e em parceria com outras instituições públicas e privadas, a promoção e execução das acções de formação profissional, para satisfazer as necessidades do mercado de trabalho, contribuindo para a promoção do emprego digno, qualificação relevante e atitude empreendedora.

CM/JMV

Inforpress/Fim.