Homem acusado após esfaqueamento em aeroporto dos EUA

 

Flint, Estados Unidos (Inforpress) – Um homem alegadamente envolvido no esfaqueamento de um polícia no aeroporto do Michingan foi acusado depois de ter sido presente a um tribunal federal, um incidente que está a ser investigado como um ato de terrorismo.

Descrito como tendo dupla nacionalidade, canadiana e tunisina, e identificado como Amor Ftouhi, de 49 anos e natural de Montreal, o suspeito foi acusado de violência no aeroporto na sequência do ataque de quarta-feira.

O homem compareceu em tribunal horas depois para ouvir a acusação.

Está prevista nova audiência na quarta-feira.

O suspeito terá gritado “Allahu Akbar”, expressão que significa “Deus é grande”, antes de esfaquear um polícia no aeroporto do Michingan.

Um polícia do Estado do Michigan, Mike Shaw, revelou que foi detida uma pessoa e que não há indícios de haver outros envolvidos.
Mike Shaw adiantou que o polícia esfaqueado, Jeff Neville, foi encaminhado para o hospital em estado crítico, mas que já está fora de perigo e “em condição estável”.

Lusa/Fim