Guiné-Bissau: Região de Biombo vai receber projecto que visa contribuir para a coesão social e promoção da boa governação

Cidade da Praia, 02 Jul (Inforpress) – A Região de Biombo na Guiné-Bissau vai receber a partir desta quinta-feira, 05, um projecto que visa contribuir para a coesão social e promoção da boa governação, anunciou hoje a União das Cidades Capitais Luso-Afro-Américo-Asiáticas (UCCLA).

Em comunicado de imprensa, a UCCLA faz saber que o lançamento do projecto “Biombo, Agir!” vai ter lugar em Quinhamel, Região de Biombo, com a presença da ministra da Administração Territorial da Guiné-Bissau, Ester Fernandes, do governador de Biombo, Armando da Silva, do secretário-geral da UCCLA, também em representação da UrbÁfrica (ONGD associada à UCCLA), Vitor Ramalho.

O presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Portugal, Isaltino Morais, o embaixador de Portugal na Guiné-Bissau, António de Carvalho, e o embaixador da União Europeia naquele país, Víctor Madeira dos Santos, na qualidade de representante da entidade financiadora do projecto, também deverão marcar presença nesse evento.

“O projecto visa contribuir para a coesão social e promoção da boa governação na Região de Biombo, reforçando as capacidades da autoridade local, o diálogo e a cooperação com os actores não estatais com vista à adopção de planos locais de desenvolvimento, envolvendo as autoridades regionais, organizações da sociedade civil, entre outros actores”, avançou a mesma fonte.

Em Janeiro deste ano, realizou-se a assinatura do protocolo tripartido de suporte à execução do projecto “Biombo, Agir!”, entre a UrbÁfrica, o Município de Oeiras e o Governo Regional de Biombo.

O projecto “Biombo, Agir!”, conforme a UCCLA, decorre no âmbito do reforço da governação local e da prestação de serviços às populações, subvencionado pela União Europeia (UE), com a duração de 30 meses.

À margem do lançamento do projecto, vai ser realizado no mesmo dia, um seminário sobre “Ordenamento do Território e Desenvolvimento”, destinado aos quadros da Administração Regional e a elementos das organizações da sociedade civil de Biombo.

O secretário-geral da UCCLA vai aproveitar a sua presença na Guiné-Bissau para reunir-se com diversas individualidades, nomeadamente com as cidades membro da UCCLA na Guiné-Bissau, analisar com a Delegação da União Europeia os projectos em curso e firmar um memorando de entendimento com a Rádio Sol Mansi.

DR/FP

Inforpress/Fim