Governo adia assinatura da convenção de estabelecimento com TRG Praia para construção de hotel Hilton na capital

Cidade da Praia, 05 Jan (Inforpress) – O Governo adiou a assinatura esta sexta-feira, na Cidade da Praia, da convenção de estabelecimento com a TRG Praia, visando facilitar a implementação do projecto Hilton Praia, com a categoria de cinco estrelas, informou hoje fonte governamental sem avançar os motivos.

Em nota enviada anteriormente, o executivo cabo-verdiano avançou que o projecto de investimento hoteleiro será constituído por 201 quartos, restaurantes, bares, zonas de lazer e entretenimento, piscinas gerais e privativas, SPA, health club, centro de convenção, salas de reuniões bem como outras unidades complementares necessárias para o funcionamento do empreendimento.

Orçado em 45 milhões de euros (cerca de 4.500.000.000 de escudos cabo-verdianos), o projecto, que será gerido pela cadeia hoteleira Hilton Worldwide, deverá gerar cerca de 150 empregos directos e vai representar um “aumento significativo” da capacidade de acolhimento turístico do país, informa um comunicado do Governo.

“O Governo de Cabo Verde considera este projecto de grande valia e, por isso, o declara de interesse excepcional no quadro da sua estratégia de desenvolvimento socioeconómico do país, tendo em conta o impacto que representará em termos de investimento, do emprego, da formação profissional, da riqueza que gerará e aumento quantitativo e qualitativo da capacidade de alojamento em Cabo Verde”, lê-se no documento que vimos citando.

Inforpress/Fim