Empresas alemãs procuram parceiros cabo-verdianos no sector do turismo e energias renováveis (RECTIFICADA)

Cidade da Praia, 22 Mai (Inforpress) – Sete empresas alemãs vão participar no IV Simpósio germano-cabo-verdiano a nível do turismo e energias renováveis, a ter lugar no dia 05 de Junho, na ilha do Sal, segundo nota de imprensa enviada pela Cabo Verde TradeInvest.

A informação consta de uma nota de imprensa da Câmara de Comércio e a Indústria Luso-Alemã, enviada pela CV TradeInvest, e não do Ministério da Indústria, Comércio e Energia (MICE), como anteriormente tinha anunciado a Inforpress.

Segundo a mesma fonte, o simpósio, que tem como lema “Eficiência energética e energias renováveis para os sectores do turismo e da indústria em Cabo Verde”, é promovido em parceria com a Direcção-Geral de Energia do Ministério da Indústria, Comércio e Energia (MICE), a Cabo Verde TradeInvest (CVTI), a Câmara de Turismo de Cabo Verde (CTCV) e a consultora alemã RENAC (Renewables Academy).

De acordo com a nota da Câmara de Comércio e a Indústria Luso-Alemã, o evento tem como objectivo identificar os potenciais parceiros de negócio cabo-verdianos nesse sector.

“A Câmara de Comércio e a Indústria Luso-Alemã há muito que promove a realização de encontros entre as empresas dos dois países para uma colaboração mais estreita no sector energético”, refere em comunicado o MICE.

O Governo enaltece a importância desse encontro justificando que Cabo Verde depende principalmente de fontes de energia primária, porque a maior parte da energia elétrica é gerada a partir de combustíveis fósseis.

“Os preços elevados de eletricidade, que resultam dos custos de importação de combustíveis fósseis, têm um impacto negativo na competitividade e rentabilidade das actividades turísticas e industriais nas ilhas”, salienta o documento.

No simpósio, estarão presentes oradores cabo-verdianos, profissionais especialistas de empresas nacionais que actuam nesta área.

A Câmara Municipal do Sal, as câmaras de comércio de Sotavento (CCISS) e de Barlavento (CCB), o Centro de Energias Renováveis e Manutenção Industrial (CERMI) e a Electra são outros parceiros deste evento.

O simpósio germano-cabo-verdiano, uma iniciativa “Exportinitiative Energie”, conta com o apoio do Ministério Federal Alemão de Economia e Energia.

OM/CP/ZS

Inforpress/Fim