Inicio Cultura CVIFF passa a ser financiada pela Associação de Cinema e de Audiovisual de...

CVIFF passa a ser financiada pela Associação de Cinema e de Audiovisual de Cabo Verde

Cidade da Praia, 11 Set (Inforpress) – O Cabo Verde International Film Festival (CVIFF) vai passar a ser financiado pela Associação de Cinema e de Audiovisual de Cabo Verde (ACACV), através de uma verba de 150 mil escudos disponibilizada pelo Governo.

Essa decisão foi formalizada hoje, na Cidade da Praia, através da assinatura de protocolo tripartido entre Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, ACACV e V!VA Imagens, empresa produtora do Cabo Verde Internacional Filme Festival.

Em declarações à imprensa, à margem da assinatura do protocolo, o director-geral das Artes e das Indústrias Criativas, Adilson Gomes, explicou que esta rubrica é o seguimento de um acordo que já existia e que tem como novidade a entrada de mais um parceiro, nesse caso a ACACV.

“O financiamento passará a ser pela ACACV, ainda que é o ministério que disponibiliza essa verba que será canalizada à CVIFF, para que o festival continue a acontecer”, explicou Adilson Gomes, justificando que a intenção do ministério é manter a ligação com o Festival Internacional de Cinema.

Segundo Adilson Gomes, com assinatura do acordo, tanto o Ministério da Cultura, com um elemento, e a Associação de Cinema, com um representante, vão passar a fazer parte do júri e opinar sobre os filmes e programação do festival.

Para além disso, acrescentou que o Governo vai continuar a estimular as políticas para o sector audiovisual e vai continuar a ser sempre “à cabeça” de todo o processo.

Por seu turno, a produtora Executiva da V! VA Imagens, Suely Neves, considerou que essa parceria vai ajudar na realização do festival através de um apoio financeiro que vai ser uma mais-valia, uma vez que o mundo de cinema em Cabo Verde continua ainda “muito incipiente”.

“Continuar com a relação Ministério da Cultura é muito importante porque nos permite divulgar mais e   ter maior abrangência”, notou Suely Neves, considerando que essa parceria vai dar mais visibilidade ao festival.

A nona edição do  Festival Internacional de Cinema de Cabo Verde  vai acontecer de 09 a 13 de Outubro, na Ilha do Sal, e  propõe uma programação para durante uma semana movimentar a ilha turística com filmes em diferentes classes, nomeadamente longa-metragem, longa-metragem documentário, curta-metragem, curta-metragem  e documentário.

O Prémio Parda bem como os de melhor curta-metragem, melhor curta-metragem documentário, melhor longa-metragem e melhor longa-metragem documentário, são votados pelos membros do júri do festival, sendo os vencedores anunciados durante o encerramento do CVIFF.

Durante esses oito anos, a primeira edição foi em 2010, já foram exibidos cerca de 200 filmes  no  Festival  Internacional de Cinema da Ilha do Sal.

OM/AA

Inforpress/Fim