CNDHC lança esta quinta-feira na Praia versão adaptada do “Cidadão Pikinoti” em Vídeo

Cidade da Praia, 01 Ago (Inforpress) – A Comissão Nacional para os Direitos Humanos e a Cidadania (CNDHC) lança esta quinta-feira, no Auditório do Centro Cultural Português na Cidade da Praia, a versão adaptada do “Cidadão Pikinoti” em vídeo.

O projeto financiado pela Bornefonden e Cooperação Portuguesa é, segundo fontes da CNDHC, fruto de uma adaptação da cartilha “Cidadão Pikinoti”, apresentado ao público pela instituição em 2013.

A cartilha que contou com o apoio da UNICEF para a sua publicação, tinha como objectivo transmitir aos pikinotis (crianças) os conceitos básicos relacionados com os seus direitos e deveres e com o exercício da cidadania.

“A adaptação para o formato audiovisual, que terá uma edição com língua gestual, tem como propósito permitir que o conteúdo seja mais atractivo e acessível ao maior número possível de crianças”, sublinha fonte da CNDHC.

Conforme a instituição, o vídeo será posteriormente distribuído aos estabelecimentos de ensino do país, com o intuito de que venha a ser utilizado como um recurso didático.

O acto de lançamento terá um momento musical com a Associação Cabo-verdiana de Surdos; com a atuação do jovem Titico Pires, do grupo Mon na Roda e breves conversas com as crianças que deram as vozes ao vídeo (Aguiana Varela (voz da Samira) e Inês Monteiro (voz do Miguel).

Além de algumas instituições nacionais, as crianças que frequentam os centros do ICCA, ACRIDES e Aldeias Infantis SOS vão estar presentes no evento.

A cartilha do “Cidadão Pikinoti” que desde o seu lançamento em 2013, tem sido distribuída aos jardins de infância e escolas do ensino básico do país visa transmitir aos pikinotis (crianças) os conceitos básicos relacionados com os seus direitos e deveres e com o exercício da cidadania.

A versão cartilha em 2016, foi adaptada para o Sistema Pictográfico para Comunicação (SPC) e destinada a crianças com necessidades educativas especiais.

PC/FP

Inforpress/Fim