Centro Nacional de Operações de Emergência em Saúde Pública vai servir para coordenar as epidemias e epizootias – Responsável

Cidade da Praia, 06 Dez (Infropress) – A presidente do Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP) considerou hoje que o Centro Nacional de Operações de Emergência em Saúde Pública é de “muito valia” para o país, por conseguir coordenar as epidemias e epizootias.

Maria da Luz Mendonça fez essa consideração em declarações à imprensa, quando falava sobre a importância do centro inaugurado, esta tarde, para o país.

“O centro vai permitir que os principais decisores se reúnam no espaço e traçam estratégias e planos para enfrentar epidemias. Mas, ela não vai funcionar só para situações de emergências, há todo um processo de preparação e alerta que é necessário averiguar para preparar respostas eventuais”, disse.

Ainda segundo a presidente do INSP, o centro vai também coordenar todas as respostas e processos para que a epidemia não chegue a Cabo Verde, com actuações a nível das portas de entradas, assim como articulação com a saúde animal.

Conforme a especialista, na saúde pública é preciso que se actue, sempre, em prevenção e na promoção da saúde para melhor coordenação das respostas.

O centro, explicou, está apetrechado com um sistema de vídeo-conferência, equipamentos de coordenação que permitem fazer trabalhos no terreno para uma programação atempada.

Já o Laboratório de Controlo de Qualidade de Água e Alimentos, é, de acordo com a responsável, uma ferramenta que irá permitir detecta a qualidade dos alimentos que os cabo-verdianos consomem.

Perante estes instrumentos, que o país vai passar a usar para fazer o controlo das epidemias, Maria da Luz admitiu que se vai passar a fazer, cada vez menos, o uso do laboratório do Instituto Pasteur já que, também, foi instalado no país o laboratório da virologia.

“Cabo Verde está a criar autonomia a nível de respostas e de análises, mas vamos continuar a trabalhar articuladamente com o instituto Pasteur, pois, serão eles a fazer inspecções”, disse.

O INSP inaugurou hoje, na Cidade da Praia, o Centro Nacional de Operações de Emergência em Saúde Pública e Laboratório de Controlo de Qualidade de Água e Alimentos, dois serviços importantes para o reforço de segurança sanitária do país.

PC/JMV

Inforpress/Fim