Cabo Verde vai ratificar acordo de participação no capital do Afreximbank – ministro Finanças

Cidade da Praia, 04 Abr (Inforpress) – Cabo Verde vai ratificar o acordo de participação no capital do Banco Africano de Importação e Exportação – Afreximbank, insituição financeira Panafricana da qual faz parte.

O anúncio foi feito hoje pelo ministro das Finanças, Olavo Correia, na abertura do Workshop sobre os “Mecanismos e Oportunidades de Financiamento/investimento para o Sector Privado Cabo-verdiano” promovido pela Cabo Verde TradeInvest, no âmbito da missão do Afreximbank a Cabo Verde.

“Quero aqui reafirmar ao senhor vice-presidente em como nós vamos ratificar o acordo de participação no capital. Estamos interessados enquanto Governo em acompanhar o aumento do capital dessa instituição e nós queremos continuar a ser parte do Afreximbank”, sublinhou o ministro.

Olavo Correia disse ainda que Cabo Verde quer domiciliar um conjunto de eventos que a Afreximbank realiza à escala global. Para já, adiantou que está acordado que ainda este ano a ilha do Sal receberá um evento de âmbito internacional.

“Estamos disponíveis para domiciliar vários outros eventos que podemos organizar em conjunto e em benefício da Afreximbank, mas também da projecção da imagem externa de Cabo Verde no mundo”, disse.

O titular da pasta das finanças explicou que com este evento de hoje pretendem realçar a parceria público privado e falou de um Estado facilitador e que aposta cada vez mais na melhoria do ambiente de negócios.

“Queremos a abertura do mercado cabo-verdiano ao mundo e essa abertura não é apenas para os bens e serviços. Nós estamos a apostar na mobilização de capitais para que os empresários que têm bons projectos tenham capacidade, experiência de gestão e buscam capital possam obter financiamento nos mercados internacionais”, disse.

Olavo Correia acrescentou que o Governo está interessado que essa instituição financiera financie a economia cabo-verdiana e de forma particular o sector privado.

À semelhança do que fez com o Banco Europeu de Investimentos (BEI), cuja missao esteve recentemente em cabo Verde, Olavo Correia pediu o direcionamento dos financiamentos para o sector do turismo, salientando que financiar o sector do turismo é financiar a economia cabo-verdiana no seu todo.

O Banco Africano de Importação e Exportação – Afreximbank foi estabelecido em Abuja,  Nigéria, em 1993, por governos africanos, investidores privados e instituições financeiras africanas e não-africanas, com o objectivo de financiar, promover e expandir o comércio intra-africano e extra-africano.

MJB/FP

Inforpress/fim