Cabo Verde TradeInvest quer sector privado no mesmo ritmo do turismo

Cidade da Praia, 04 Abr (Inforpress) – A Cabo Verde TradeInvest quer que o sector privado cabo-verdiano seja capaz de acompanhar o desenvolvimento do turismo no país, que continua em crescimento, sobretudo na ilha do Sal, fazendo também crescer a economia nacional.

Em declarações à Inforpress, o administrador executivo da Cabo Verde TradeInvest, Luís Aguiar, disse que a ideia é apoiar todo o sector privado cabo-verdiano através do turismo do Sal, a ilha mais turística de Cabo Verde, já que esse sector é visto como o “motor” do desenvolvimento do arquipélago.

Neste sentido, e no âmbito da missão do Banco Africano de Importação e Exportação – Afreximbank a Cabo Verde, a Cabo Verde TradeInvest, em parceria com o Ministério das Finanças, promove hoje um workshop sobre “Mecanismos e oportunidades de financiamento/investimento para o sector privado cabo-verdiano”, a ter lugar em um dos hotéis de Santa Maria, Sal, a partir das 09:00.

“O turismo da ilha do Sal continua em crescimento, por isso, queremos que o sector privado consiga estar no mesmo ritmo e na mesma velocidade que o próprio turismo”, afirmou, frisando que a perspectiva para o workshop é conseguir que a Afreximbank, através do sistema financeiro cabo-verdiano, invista em linha de financiamento para o próprio sector privado cabo-verdiano.

Segundo Luís Aguiar, à semelhança desse workshop, a Cabo Verde TradeInvest tem vindo a realizar outras, no sentido de sensibilizar as agências financeiras internacionais a verem que o crescimento da economia cabo-verdiana pode passar pelo sector privado, aproveitando as potencialidades do turismo.

O workshop desta terça-feira é o terceiro que a Cabo Verde TradeInvest e o Ministério das Finanças promovem, sendo que em Janeiro fez um com a International Finance Corporation (IFC) e a Multilateral Investment Guarantee Agency (MIGA), e no mês de Março com o Banco Europeu dos Investimentos (BEI).

O Banco Africano de Importação e Exportação – Afreximbank foi estabelecido em Abuja, na Nigéria, em 1993, por governos africanos, investidores privados e instituições financeiras africanas e não-africanas, com o objectivo de financiar, promover e expandir o comércio intra-africano e extra-africano.

O evento será presidido pelo ministro das Finanças, Olavo Correia, na presença do administrador executivo da Cabo Verde TradeInvest, Luís Aguiar.

DR/AA

Inforpress/Fim