Brava: Esquadra policial terá embarcação de patrulha oferecida pelos E.U.A

Nova Sintra, 11 Ago (Inforpress) – A esquadra policial da “Ilha das Flores” receberá uma embarcação de patrulha de metal, destinada ao patrulhamento das costas marítimas e às operações de busca e salvamento.

Esta informação foi avançada à Inforpress pelo comandante da esquadra policial da Brava, Arlindo Sanches, explicando que esta embarcação irá apoiar o trabalho dos agentes na ilha, principalmente na área marítima.

“Vai nos ajudar na questão da fiscalização da orla marítima. Tendo em conta que a ilha Brava tem muitas vulnerabilidades, muitas costas e vários pescadores, esta embarcação será imprescindível para o controlo, não só da orla, como também dos ilhéus, que são considerados reservas naturais”, adiantou Arlindo Sanches.

Segundo o comandante, a embarcação pode, ainda, ser usada para alguma evacuação, “em casos de extrema necessidade”, apesar da mesma, segundo informações, não ter “capacidade de receber várias pessoas”.

“É uma embarcação para a fiscalização e não oferece as melhores condições para evacuações”, observou, indicando que caso houver necessidade, “é uma questão de ver como adaptar e arranjar as condições mínimas para salvar vidas”, principalmente no “período em que a única embarcação marítima existente neste percurso estiver a operar nas outras ilhas”.

“Mesmo não tendo visto a embarcação pessoalmente, de acordo com as imagens e informações que tenho dos agentes que participaram na formação, é uma embarcação rígida, metálica, veloz e económica”, explica Arlindo Sanches, acreditando que a mesma é preparada para navegar no canal da ilha.

Para a recepção desta embarcação na ilha, cinco agentes da esquadra policial local participaram, durante uma semana, na Cidade da Praia, numa acção de capacitação, ministrada por formadores da empresa Metal Shark, dos Estados Unidos da América.

A nível oficial, o comandante afirma que ainda não há uma data certa para a recepção da embarcação que já está na cidade da Praia, podendo chegar à “Ilha das Flores” a qualquer momento.

Essa é mais uma doação da cooperação norte-americana inserida no âmbito do Comando Militar Norte-Americano para África (AFRICOM).

MC/JMV
Inforpress/fim