Boa Vista: SISCAP denuncia empresa Setelima por “intimidar” grevistas com despedimento

Cidade da Praia, 04 Ago. (Inforpress) – O Sindicado da Indústria, Serviços, Comércio, Agricultura e Pesca (SISCAP) acusa a empresa Setelima-Limpeza de “intimidar com despedimento” os trabalhadores que aderiram formalmente à greve de dois dias no Aeroporto Internacional Aristides Pereira, na Boa Vista.

De acordo com o secretário permanente desta organização sindical, “são 24 trabalhadoras de limpeza que subscreveram a declaração de apoio à realização da greve”, de sexta-feira e sábado, mas “12 não aderiram formalmente a este direito de reivindicação contra a precariedade dos contratos de trabalho, por medo de perderem os seus postos de trabalho”.

Em nota de imprensa, Joaquim Tavares considera que a empresa está a “menosprezar” esta classe de trabalhadores que reivindicam “com a greve com o intuito de fazer valer os seus direitos e tornar pública a violação dos direitos que a lei lhes assiste”, quando algumas das exigências dos trabalhadores já se arrastam há nove anos.

Pagamento da diferença salarial, respeitante a Novembro e Dezembro de 2016 e Janeiro e Fevereiro de 2017, no valor de 4.000$00 mensal que a “Empresa abusiva e unilateralmente decidiu reduzir”, pagamento de horas extraordinárias pelos trabalhos efetuados em dias feriados, implementação e pagamento de subsídio de turno, pagamento da diferença salarial por baixa médica e por licença de maternidade são as reclamações dos trabalhadores afectos.

Desta lista, incluem ainda o pagamento na sua totalidade das indemnizações pelo despedimento de trabalho sem justa causa há 17 trabalhadores, a atribuição de ajustamento salarial congelado há cerca de 9 anos e o fornecimento pela empresa de água para o consumo dos trabalhadores.

A Direção da Empresa Setelima, segundo o representante Joaquim Almeida, já realizou vários encontros com a Direcção do SISCAP, “visando a resolução desses problemas”, sem que tivesse chegado a resolução dos problemas reivindicados pelos trabalhadores.

A direcção da Setelima promete apresentar a sua posição, nos próximos dias, sobre esta greve dos trabalhadores de limpeza da Setelima-Limpeza realizada à porta do Aeroporto da Boa Vista.

SR/ZS

Inforpress/Fim